Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2012

koren shadmi:

o trabalho do ilustrador israelense koren shadmi poderia ser definido como pop. mas eu prefiro apenas "bem bacana"?! 
via art planet.

greve de segunda em floripa:

gostei tanto da fala do professor marcelo pomar (feita durante a edição de florianópolis do projeto ted... rolou aqui, é?!) que achei que devia trazê-la para cá. ainda mais que hoje acontece mais uma paralisação dos funcionários do serviço de transporte da cidade. e foram tantas desde 2004, quando estudantes e cidadãos trancaram as duas pontes (& muito mais) reivindicando o que lhes é de direito...
e você, amiguinho, vai votar em quem pra prefeito? na família berger?!?

canada:

canada é o nome da produtora de vídeos da espanha pela qual me enamorei nos últimos dias. eles são os responsáveis por alguns trabalhos poderosos que já coloquei aqui, nas minúsculas, como esse e esse... daí que, fazendo uma busca no que os caras andaram produzindo mais recentemente, pesquei três clipes bacanudos que renderam este post de fim de domingo... dê uma chance ao rock made in spain e deleite-se.

alex anwandter:

quem acompanha as minúsculas talvez lembre, já falei de seu trabalho anterior, em que o moço assinava como odisea, e já citei aqui o álbum lançado pelo artista no ano passado... para quem não conhece saber: alex anwandter é compositor, cantor, produtor chileno, faz um pop dançante, com letras e temática de gente grande e anda mergulhado em algo que remete a ítalo-house, dance 1989/1990 e eletro-pop oitentista. em seu site é possível baixar um (recém lançado) ep com alguns remixes, além disso, no soundcloud, seu álbum está disponível para audição.


os dois vídeos abaixo são dos singles tirados deste disco.


ritmos del mundo:

javier estrada lançou no início de maio o volume 6 da sua coletânea ritmos del mundo (baixe aqui). de lá tirei seu remix para big mouth de santigold e juntei a outras duas pepitas moombah, a primeira uma releitura de la pava congona "remisturada" pelo mesmo javier e a segunda uma versão sacolejante para o clássico iko iko... achei que assim, juntas, estas faixas animariam o meu e o seu dia. dê o play e boa viagem.

madame não gosta que ninguém sambe:

via facebook a gente acaba se decepcionando com quem acha que conhece. nos últimos meses tenho feito um exercício diário de cancelar assinaturas de conhecidos e semi-desconhecidos que replicam preconceitos contra a música feita e amada pelos brasileiros mais humildes, fotos de animais estraçalhados, de crianças doentes ou de "bandidos" assassinados pela polícia, além de piadas racistas. triste. 

e triste pois não pretendo deixar de me relacionar com muitas destas pessoas. muito pelo contrário, gostaria, sim, de ajudar algumas delas a enxergar outras possibilidades. mas quem sou eu para fazer isso? incomoda ver que tanta gente torce pela violência da polícia ou por políticos corruptos. tudo muito sem reflexão, claro. o lugar comum, apenas.  
em que país vivemos? me pergunto (junto com mano brown - aqui). num país novo rico e cheio de perspectivas? ou num outro, atrasado, desigual e sem informação e educação. nos dois. infelizmente. quem dera pudesse ficar longe do brasil que vo…

festa, fantasia & indisciplina:

hoje é sexta-feira, dia (ou noite) de celebração. até aí, ok, ok, ok. a questão é que  a festa, assim, ba-ca-nu-da, fo-do-na, acho, só rola amanhã, lá na célula... festa a fantasia, aliás. daí que, como se não bastasse, tem a estreia do projeto indisciplina nos palcos (com vários amigos talentosos: beni menezes, juniores rodrigues, renata swoboda, guilherme natel, gabriel felipe jacomel e juliano malinverni, claro),  mais: eu e george frança no comando da pistinha... sei lá, algo me diz que será uma loucura!
selecionei uns vídeos de mashups produzidos pelo povo da bootie riopara animar as minúsculas... e você, claro. aproveite, não se reprima: seja saliente e divirta-se.

donna summer:

um post de um admirador. você não encontrará algo que aprofunde questões ligadas a importância de donna summer aqui. o lance é outro: sempre fui seu fã, mesmo antes de saber quem era essa donna... artista com o maior número de hits dance na billboard, rainha da disco music, uma das fundadoras do reino das divas pop, essa moça já seria alguém de importância inquestionável se tivesse ficado apenas como aquela voz de i feel love (leia mais aqui), mas não, ela foi muito além... para não ficar no óbvio, separei alguns remixes, edits de faixas da cantora, que faleceu hoje, aos 63 anos, vítima de um câncer. essas releituras evidenciam o quão atuais são algumas das músicas de seu repertório. 

darkside:

darkside é o nome da banda. a1 é como chamam a faixa/vídeo. música, mistério, clima, groove. boa de ouvir numa semana fria como essa. embaixo d'um cobertor, então... melhor, certamente, se for em boa companhia.

duas falas, tantas questões:

conheci já há algum tempo, um ano ou mais, a fala de regina casé no ted. bonita, embora dispersa, diz muito sobre como as coisas se configuram no mundo em que vivemos. o depoimento da atriz, apresentadora, dialoga diretamente com outro, o da escritora chimamanda ngozi adichie. aliás, é possível dizer que dialoga também com preconceito linguísticode marcos bagno ou com o mistério do samba e isso é calypso - ou a lua me traiu de hermano vianna... o que importa, no fim das contas, é que os vídeos aí debaixo deveriam ser visto por tanta gente diferente, que fica até difícil enumerar... eu provavelmente voltarei a (re)discutir algumas questões pensadas através do que dizem casé e adchie, mas outro dia, outra hora.

mashmyas$:

o mashup é uma das modalidades mais criativas de música neste início de século. não que a técnica seja realmente nova, é assim que compositores criam a maior parte de suas canções, a partir de outras, desde sempre. a questão é que a ideia de criar algo (mais ou menos) novo ao unir faixas que "pertencem" a grandes corporações milionárias, me parece, em um período em que o fbi persegue quem compartilha arquivos, mais excitante que macaquiar roqueirismos.
no próximo sábado acontece uma edição especial (chamemos tropicaliente) da mash_up no jivago lounge, centro de floripa. vou discotecar por lá e certamente vou soltar alguns dos ajuntamentos feitos pelo gaúcho mashmyas$. o moço tem a manha da pista. e ainda deve deixar um bando de fãs conservadores de artistas como beatles e metallica putos... duvida? dê o play e divirta-se. 

vai dançando, sinhá pureza:

sex-sexta e fim-de-semana cheio. contra o frio outonal que se apodera de florianópolis: suingue calorento do brasil, da américa... vamos de versão cumbia para a nova da shakira (o vídeo também é uma delícia), dj waldo squash vs. pinduca e riot earp & melo, para aquecer. 

saliente:

então, deixa eu dizer: há uns três ou quatro anos estou apaixonado pelos sons que vem das "periferias" do mundo. do kuduro de luanda em angola, ao eletro-brega (ou melody) de belém do pará, da eletro-cumbia de bogotá na colômbia (ou de buenos aires, argentina), ao moombahton (mezzo mexicano), para ficarmos com apenas uns exemplos, lugares. daí que, para mim, que venho organizando festas e  pesquisando, discotecando, artistas e faixas com esta atmosfera, digamos, tropical*, e quebrando a cara vez ou outra, esta semana é especial. primeiro por ter tido uma noite deliciosa na segunda-feira no jivago lounge, recanto dos garotos "mudernetes" de floripa. foi lá que vi a pista cheia cantando a plenos pulmões hits como ex-mai loveo gosto amargo do pergume, e embarcando nas levadas poderosas de voodoo love, la candela e outras**. segundo, pela primeira edição da saliente na casa de noca, na lagoa, que acontecerá neste sábado. 
a saliente surgiu no inicio de 2011 (no blues…

jerry schatzbergs:

fotógrafo, cineasta, jerry schatzbergs clicou muita gente famosa. separei algumas de suas imagens para este post. pesquei um pouco daqui, outro d'acolá, da sua linda esposa, faye dunaway, ao foderoso baile de máscaras dado por truman capote em meados dos anos 60.