Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2011

é primavera abaixo da linha do equador:

sou assim, (meio) sem foco: estou escrevendo dois textos ao mesmo tempo, ambos com certa importância-urgência. mas ainda tiro tempo para aquilo que, teoricamente, nem é da minha alçada. de qualquer maneira, a despeito dos artigos que preparo (um para o projeto workshop - trends talking e outro para o site farofafá), venho pensando desde meados da semana passada, em como escrever a respeito da possibilidade de cassação do atual prefeito de florianópolis após quase oito anos a frente do executivo. 

queria fazer um texto veemente sobre a falta de credibilidade das instituições brasileiras. algo sobre o fato de eu não confiar na polícia, na justiça, no executivo, nos partidos, nos homens deste país. um texto sobre corrupção e preguiça, sobre como nos acostumamos ao as coisas são assim mesmo. para colocar mais lenha na fogueira da minha cabeça, no diário catarinense de hoje leio a matéria sobre as investigações envolvendo o ex-vice-governador e líder do psdb no estado leonel pavan em vendas…

susana anágua:

rui vieira, cineasta (português), iniciou uma série de curtas que documentam como alguns profissionais se relacionam com seu ofício e sua casa, sua cidade. a partir do seu olhar, tentei conhecer um pouco mais do trabalho da artista susana anágua... encontrei muito pouco. difícil imaginar ou querer entender a monumentalidade de algumas de suas esculturas apenas por fotos. felizmente, através do filme é possível conhecer um pouco de sua produção. bem como no vídeo seguinte, que registra uma de suas poderosas instalações.
(antes é preciso dizer que a série de curtas tem o patrocínio da rede de fastfood mcdonald's e uma trilha sonora piegas de fazer corar...)
mais sobre a artista plástica, aqui, e o cineasta, aqui.


Susana Anágua (Artist) from rui vieira on Vimeo.
MATI from Susana Anágua on Vimeo.

domingo de ressaca no rio de janeiro:

cariocas não ligam para horários previamente combinados. eu ligo. cariocas não ligam para certas convenções. nem eu. cariocas não ligam no outro dia. ouvi dizer. cariocas são convencidos, e com razão, o rio é tudo isso e muito mais (a despeito dos balconistas que não dizem bom dia). cariocas são convincentes. principalmente os que tem uma arma na mão. cariocas são divertidíssimos. cariocas somos todos em algum momento da festa bêbada num sábado a noite em santa tereza
cariocas me dão invejinha... mas nem tanto.

rock in rio:

para animar uma semana corrida: um rock. dolores é um nome novíssimo na cena espanhola, mas chegaram chegando... seu primeiro vídeo clipe, uma sequência de belas e fortes imagens, precede/divulga o álbum de estreia que grupo programa para lançar em novembro. como em algumas horas estarei no rioe não para assistir ao festival xexelento da rede globo, mas para rever amigos & a cidade & para me divertir & trabalhar, lembrei desta pedrada (vídeo-faixa) — recentemente descoberta... pensei que ela continha justamente o tipo de "pegada" que falta a maioria dos nomes do mega festival... não?!


Cortafuegos | DOLORES from ORIGAMI RECORDS on Vimeo.

trends talking floripa:

hoje falo sobre o cenário contemporâneo da música no brasil, no mundo, durante uma das etapas do projeto trends talking floripa. será um (pequeno) recorte sobre mercado, tendências, tecnologia, direito autoral, mashup (y otras cositas mas). preparando minha fala, esbarrei em alguns novos vídeos-singles que quis trazer para cá. bonitas canções que em comum tem o fato de serem ilustradas por imagens coloridas e cheias de luz e sexo. achei que poderiam ajudar a encarar uma segunda cheia. 


(com o rock brasileiro do quase veterano junio barreto, o groove multicolorido de lurdez da luz e a neo-jovem-guarda de bárbara eugênia). 



SETEMBRO [Dir: Pedro Severien / Rodrigo Campos] from MULISHA.EC on Vimeo.

Lurdez da Luz - Ziriguidum from Gabi Jacob on Vimeo.
Bárbara Eugênia - Por Aí from Bárbara Eugênia on Vimeo.

louis lander-deacon:

conheci as fotos do jovem fotógrafo inglês louis lander-deacon através de uma publicação recente do art planet - urban culture. gostei tanto que praticamente roubei o post deles... praticamente, claro. e por hoje é só.


pra ser só minha mulher:

música mais legal do mundo, hoje, pra mim, é pra ser só minha mulher. aliás, música mais legal do ano de 1977. hoje, pra mim. mas conheço e amo essa canção desde 2003, quando otto lançou seu fora de gravidade, em que a cantava com outro arranjo (belíssimo, aliás - com a indefectível gita de fernando catatau). foi por causa dela que comprei o disco vermelho de roberto carlos. até então não era exatamente um fã do cantor, pelo contrário: era seu detrador (o álbum, cheio de canções derramadas, me fez ficar curioso quanto aos trabalhos anteriores do senhor roberto... daí pra frente foi puro deleite).
(aliás, sempre é bom lembrar: pra ser só minha mulher é uma parceria do ex-beat boystony osanah com ronnie von)

meu discos preferidos - totonho e os cabra:

ouvi muita música em 2001, mas não os dois discos de que quero falar – foi um período bem instrumental para mim, me deleitei com muito de miles davis, charles mingus, banda black rio, deodato, joão donato e outros... uma pena, pois perdi praticamente dois anos até conhecer a delícia dos álbuns que, de certo modo, mudariam muito da maneira como penso e ouço música desde então. mas não falemos de tempo perdido, falemos de excelência e longevidade. antes, porém, um cominado: neste post enumero os predicados de um e, daqui a pouco, volto para falar do outro: bloco do eu sozinho (los hermanos)...
houve um certo "burburinho" em torno da estreia de totonho & os cabra. lançado pela então poderosa trama, o álbum tinha muito daquilo que parecia ser o rumo da música pop(ular) produzida no brasil dos 00's, amalgamava distintas possibilidades musicais do país com desenvoltura, unindo senso de humor e melancolia, frescor e inteligência (ou um tipo de sobreposição de camadas que só …

tarde de sol e som (noite de festa):

céu azul e frio. assim fica mais fácil ser feliz em florianópolis... (funciona assim, ao menos, pra mim). e ainda tem festinha bacana pra animar a noite (de lua cheia): vida fodona no blues velvet (com falcatrue, alexandre matias, isaac varzim e guilherme zimmer). 
separei umas faixas encharcadas de sol e balanço para dividir com quem acompanha asminúsculas. são temas de gente (também) fodona reprocessados por outros (igualmente) fodões: tem dave brubeck e radiohead via overdub, eurythmics na versão de señor coconutnirvana e metaleiras da amazônia unidos pelo dj lúcio k e, por fim, gilberto gil e schlachthonfbronx num (rebolante) mashup de joão brasil. dê um "play", aumente o som e prepare um cafezinho... (ou uns bons drink... - vá lá, cada um, cada um)

Radiohead vs Dave Brubeck - Five Step (mashup by Overdub) by Mixes and Mashups #22
Senor Coconut - Sweet dreams by KreativMag
METALEIRAS DA AMAZONIA vs NIRVANA - LAMBADA TEEN SPIRIT (DJ LK MASHUP) by DJ LK Mashups
Finga 2222 (Jo…

biutiful:

um filme de alejandro gonzález iñarrito pode nos deixar para baixo, mas pode nos "lavar a alma" (as duas coisas podem se sobrepor, certo?!). tanto em 21 gramas, amores brutos, babel, ou mesmo no curta que integra o filme 11 de setembro - 11'09'01 (com outros 10 diretores), o artista nos deixa como cachorros dentro d'água no escuro do cinema. biutiful não é diferente. 

a (oscarizada) interpretação de javier bardem, que se soma a outras tantas boas interpretações (de atores e "não atores"), é mais uma das razões para alguém assistir biutiful. há ainda um roteiro engenhoso que nos enreda desde o início e a música original de gustavo santaolalla (além da apropriação de temas de underworld, ravel, café tacvba...).

curioso ter visto o filme em uma semana em que se falou tanto nos desdobramentos do atentados de 11 de setembro de 2001 pois, de certo modo, esse é um dos temas do filme. mas não apenas. e do que trata biutiful? é sobre imigrantes? sobre a dificuldad…

noivaS do cordeiro:

emocionante é provavelmente o adjetivo mais apropriado para se colar ao documentário noivas do cordeiro, de alfredo alves. produzido e exibido pelo canal pago gnt, em 2008, o filme vem sendo reprisado na tv ou através daqueles que lhe fizeram cópias para emprestar aos amigos. pena ainda não haver uma versão sua completa para streaming... isso não significa que não exista a possibilidade de vê-lo, por exemplo, aqui (parte um) e aqui (parte dois)... pois é pois é pois é
vale (muito) a pena conhecer a história singular de uma pequena comunidade do interior de minas gerais, noiva do cordeiro.

(norte) americanos representam grande parte da tristeza existente neste mundo:

em 11 de setembro de 2001 passei parte do dia na frente da tv, pulando de canal em canal, meio atordoado com os acontecimentos e com a falta de imparcialidade do jornalismo televisivo de nosso país. não comemorei o atentado contra a mais famosa cidade dos u.s.a., mas também não vi aquele como um ato isolado dos "caras maus" contra "inocentes". havia tanto de símbolo naquele projeto, naquele acontecimento, que seria ingenuidade demais pensar nele apenas como uma tragédia arquitetada por terroristas. 
a exibição no (programa) fantástico deste último domingo, com dublagem (pa-té-ti-ca!) de alguns nomes de peso do elenco de novelas globais de trechos de um documentário norte-americano sobre o 11 de setembro, me fez lembrar como a maior parte dos jornais televisivos e impressos daqui reproduziram ao longo dos últimos 10 anos os mesmos números apresentados pelos órgãos de imprensa de lá... uma rápida pesquisa através do (conglomerado norte-americano) google nos permite ve…

disco ruído:

o quarteto mexicano disco ruído acaba de lançar o ep morfeo - um desdobramento de sistema solar, primeiro álbum deles (lançado ano passado). mesclando várias referências, disco ruído concilia, principalmente, pop com um certo estranhamento (chamemos) onírico, o clipe de amorfos (single de 2010), pode servir perfeitamente como ilustração desta afirmação. 
o bacana é que se pode baixar morfeo gratuitamente aqui, no blog do grupo. vá lá!


Disco Ruido - Morfeo from Disco Ruido on Vimeo.

Disco Ruido • Sol • from Disco Ruido on Vimeo.
Disco Ruido - Amorfos from Red Bull • Tour Bus Mexico on Vimeo.