Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2011

disco hit's:

semana cheia de agitos noturnos (trabalho, né?!). o festerê começa amanhã, na lagoa da conceição (no mustafá, mais especificamente) com a DISCO HIT'S – um ajuntamento de nu disco, disco music, funk e o que mais vier na linha groove pop
fica, vai ter marvin gaye, jamie lidell (remixado pelo nteibint), george michael (remixado pelo aeroplane), supermen lovers, wild cherry (mashupado com frankie goes to hollywood) e muitos outros! que dureza que nada, nos entreguemos à pista e ao prazer (e um viva ao hedonismo cínico - pois um escapismozinho de vez em quando não faz mal a ninguém... faz?!). 

inverno:

existem canções que nos tornam seus escravos, por dias, semanas, meses, anos até. já fui escravo de inverno, de adriana calcanhoto e antônio cícero (um dia, aliás, volto para falar do disco no qual ela está contida, a fábrica do poema). hoje, uma notícia vinda do norte, sobre o show que arthur nogueira e antonio cícero fizeram em belém do pará neste último fim de semana, me fez relembrar de sua melodia e letra. antonio cícero, é preciso dizer, quase sempre lembrado pelo que produziu com a irmã, marina lima, também criou maravilhas ao lado de wally salomão na parceria com joão bosco (zona de fronteira, 1991).
a gravação original com seu groove lento a la sade, tem o piano (de sacha amback) deslizando por sobre sua base, como que escorrendo por entre os espaços deixados pela voz chorada, chorosa, da cantora. é quase dançante. quase triste. ou as duas coisas. linda. (ouça aqui)
uma trilha apropriada para alguns desses dias frios e úmidos do inverno de 2011... disponibilizei logo abaixo a v…

todo mundo espera alguma coisa de um sábado a noite (bem no fundo todo mundo quer... suar):

ontem, depois de uma semana movimentada, me vi feliz na noite do último e melhor dia da semana. meu fim de sexta foi um presente: pude apresentar e comentar algumas de minhas canções na 6º edição do projeto songswriters, e ainda na companhia dos talentosos amigos vina da caverna (ou vinícius zimmermann - vocalista do trio da caverna) e guilherme gouvêia (da felixfônica). além de uma calorosa platéia, tivemos a presença de alguns nomes importantes da música local nos assistindo (ulysses dutra, eduardo "xuxu" vicari, luiz canela (que deu canja com seu companheiro de felix), marcio da villa e outros). faço aqui meu mea culpa por não ter comentado antes a respeito da (bonita) iniciativa de paula albuquerque, "xuxu" e juju barbie - levar ao palco as canções e os compositores que fazem a atual cena de florianópolis (em apresentações sintéticas, intimistas).
dali ainda deu tempo de aproveitar um pouquinho do 11º encontro das nações no largo da alfândega. os comes e bebes e…

where the streets have no name:

triste pensar que um dia (não muito distante) os mesmos nomes que nos representam na política, os mesmos sujeitos que vivem nos envergonhando por sua ética tortuosa, os mesmíssimos assassinos de 111 presos (indefesos), os  envolvidos em mensalões e mensalinhos e outros tantos escândalos, emprestarão seus nomes para as ruas em que passearemos com nossos filhos e com nossos amores (e nossos filhos e netos com os amores seus). as mesmas ruas em que caminharemos estressados, bêbados, tristes, felizes, apaixonados, em que (re)construiremos e abandonaremos amizades, possibilidades, certezas, dúvidas, terão os nomes dos caras que ajudaram a implantar uma ditadura, que autorizaram torturas, que criaram planos econômicos desastrosos (que aniquilaram sonhos e vidas), que seguiram irresponsavelmente a cartilha medonha que dizia tire dos mais necessitados e dê ao mercado, dentre outras atrocidades...
pior é o caso da cidade em que vivemos, um dia chamada desterro, que foi alcunhada por seu maior a…

dj javier estrada:

assim que conheci o trabalho do dj javier estrada, me tornei seu fã. fui apresentado a seus remixes e faixas autorais através da coletânea ritmos del mundo, organizada por ele. sua 5º edição (baixe aqui) acaba de ser colocada na rua e vem recheada, como não poderia deixar de ser, do balanço poderoso do moombahton... aproveitei a ocasião para disponibilizar nas minúsculas algumas faixas produzidas ou remanejadas pelo mestre mexicano. 


espero que ajude a esquentar essa segunda-feira gelada. (aliás, há, neste volume 5, um edit para a parceria entre schlachthofbronx e spoek mathambo é até covardia...)

Javier Estrada - Volcano Dance "Soon RDM - 5" by djjavierestrada
100 años Pedro Infante Remix- Dj Javier Estrada by djjavierestrada
The Police - Roxane Dj Javier Estrada Remix by djjavierestrada
Gloria Stefan - Conga (Dj Javier Estrada Moombahton Remix ) http://www.mediafire.com/download.php?40l0878c4a0mhy8 by djjavierestrada

jean mafra & felipe melo:

praticamente há um ano me uni ao produtor felipe melo em uma empreitada, um show "voz e violão". parecia pouco, mas não era, afinal um projeto desses não é fácil de ser preparado, apresentado. a ideia, despojada, surgiu de um convite da compositora, produtora, agitadora, tatiana cobbett e acabou por se mostrar mais complexa do que poderia se supor. mais que isso, o momento se mostrou dos mais delicados, como explicarei a seguir, mas a soma destes fatores serviu para fazer daquela uma noite muito especial...


vinha estreitando os laços com "mr. melo" desde a gravação de meu primeiro solo, em 2008. na sequência trabalhamos juntos (ele como técnico de som) no single (deixa eu te levar) e no álbum (sim/não) produzidos/lançados nos dois anos seguintes pela samambaia sound club  (banda da qual fui vocalista). além de nos tornarmos amigos, viramos parceiros. em canções como você chegou (cadê você?), em projetos como o ep de remixes rosebud pra lugar nenhum (lançado pouco de…

discotecando no blog, mix chopin:

nu disco, french house, disco punk, seja lá o nome que se queira dar para a música do produtor canadense mick match, a questão é que seu trabalho é a cara de uma sexta a noite. assinando material próprio, remixes e edits como mix chopin, o moço faz música para derreter assoalhos... por estar me preparando para o "comandar uma pistinha" (daqui a pouco), pensei em trazer para cá algumas de suas incursões sonoras... 

acredite, não dá para deixar passar seu love story ep (lançado há alguns meses, o disquinho é viciante - e ainda tem essa capa safadinha...). abaixo, além do ep, trago um edit dele para o mago cerrone (do qual já falei aqui). e quem estiver mais animado que dê um confere nos deliciosos vídeos de levitate e tight (vale a pena!).

Love Story EP // OUT NOW! by Mix ChopinCerrone - Give Me Love (Mix Chopin Re-imagination) by Mix Chopin

meus discos preferidos - disintegration:

e para fechar a trilogia de meus discos preferidos de 1989 (os outros são esse e esse): disintegration do cure. o mais querido pelos fãs do grupo, embora não tenha vendido tanto quanto os (seus antecessor e sucessor) "platinados" kiss me, kiss me, kiss me e wish (se pensarmos que seus 71 minutos são recheados de longas, lentas e tristes faixas, não fica difícil entender o motivo...), é dono de alguns predicados que fazem de sua audição uma companhia poderosa naqueles momentos (digamos) mais introspectivos... 

adolescente é aquele horror: insegurança no talo, mudanças hormonais, medo do futuro + presunção e euforia desmedidas... muitas emoções, e tudo ao mesmo tempo. pois foi nesta fase da vida que descobri o disintegration (só após um longo período seria "tirado do quarto" por artistas como chico science & nação zumbi, us3 e caetano veloso - outra história, outro momento). a questão é que, independentemente das dificuldades, foi maravilhoso poder contar com a mú…

anka zhuravleva:

talvez seja difícil pronunciar o nome da russa anka zhuravleva. fácil é gostar de seu trabalho. pintando ou fotografando, a artista tem uma marca pessoal... (aliás, de suas fotos, a que mais gostei, não consegui trazer para as minúsculas. caso interesse, está aqui o link)





para cesar souza junior:

cesar souza junior, atual secretário de cultura do estado de santa catarina (aliás, uma espécie de frankestein que une turismo e esporte - idéia estrombólica do mesmo ex-governador que criou umas 40 secretarias regionais para empregar afilhados políticos), deve ter uma péssima assessoria lhe aconselhando. afinal, se, até onde se sabe, o jovem administrador é um dos pré-candidatos a prefeito de florianópolis, o mínimo que se espera dele é que, ao assumir um cargo público (e seus ônus & bônus), faça dessa uma oportunidade para se mostrar competente, capaz. como até agora, meados de agosto, o moço ainda não mostrou a que veio, é possível dizer: "mas que tiro no pé, hein, (pré-)candidato?!?".
em janeiro, ainda que sua nomeação tenha despertado certa desconfiança em parte da classe artística (normal, não?) cesar souza, o junior, recebeu crédito de muitos colegas, eu incluído, pois, pela lógica, parecia interessante ter alguém com suas aspirações no cargo: seria a chance não ap…

para animar uma semana chuvosa:

selecionei alguns vídeos de petardos musicais produzidos à margem da grande indústria (fonográfica) e que achei que poderiam ajudar a encarar uma semana chuvosa como esta. são canções da áfrica e da américa (a menos rica, claro) e que estão no repertório de artistas que você, provavelmente, ainda não conhece. mas que podem encharcar de alegria qualquer pistinha (ou tarde cinza)... gente do méxico, da costa do marfim, do quênia, que estão produzindo um repertório poderoso. esta "cena", que engloba  várias outras cenas de países, universos, artistas e públicos distintos, vem sendo chamada (por parte da imprensa, principalmente a oriunda do primeiro mundo) de global guettotech. independentemente da alcunha, são essas levadas que provavelmente um dia serão lembradas como a música deste início de século (ao menos em seus países de origem). 


grande coisa... vá lá, aumente o som e sinta o groove!






improviso:

é sobre improviso este post. sobre como as coisas quase sempre não são fáceis e como, ainda assim, apesar das dificuldades, seguimos adiante. de improviso? e daí? façamos. pois se não fizermos, seremos "feitos"... sou um adepto do improviso. mais pelas circunstâncias que por uma escolha. 
lia muito na adolescência, era frequentador assíduo da biblioteca pública do estado. aquela, do centro de florianópolis, que até hoje continua não tendo o prestígio e o investimento que mereceria. o acervo não era aquilo tudo, mas havia vontade de conhecer novos autores, livros. a despeito dos problemas, seguia minha intuição e curiosidade. ia me arranjando, do meu jeito, construindo "uma visão de mundo" (uma formação intelectual). 
na mesma época, comecei a compor meus poeminhas/cançonetas, de improviso, sem formação musical. havia o desejo de ser artista, mas não condições. até hoje é assim, acho. de todo modo, meti a cara. no período, 1995-96, descobri alguns trabalhos que mudari…

da b.o.m.b. saliente!:

dionísio está solto no mês dos leões... daí que o balanço black que a da b.o.m.b.propõe se uniu ao festerê sem vergonha da saliente para celebrar. no fundo essa é só mais uma desculpa para (se) divertir e ganhar uns trocados com música bacana. mas e daí?! poderia dizer que este é um mashup de festas, mas a questão que realmente importa é que gustavo monteiro (a.k.a. zé pereira), paul(inh)o govêa e eu vamos animar a pistinha do mustafá com doses cavalares de groove! e um brinde a dionísio... 


(aí vai uma pequena amostra do que pretendo soltar amanhã... vou de joão donato & eumir deodato, curumin e dj erick rincon, dentre muitos outros)






SERVIÇO:
o quê: da b.o.m.b. saliente!
quando: quinta, 04 de agosto, a partir das 22 horas
onde: mustafá - av. afonso delambert neto, 103, loja 07, lagoa da conceição
quanto: 10 reais, feminino / 20 reais, masculino (reservas através do 3232 2018)