Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2010

champagne no gelo:

disco, disco, disco! voltemos a disco music para celebrar, pois o estilo é sobre isso, sobretudo. é música de festa, é trilha pra acasalar e sentir o corpo... lhes apresento, então, o hit do (esquecido) dançarino-cantor ronaldo resedá (morto ainda na primeira metade dos 80's) - aqui é possível vê-lo em ação durante o especial de tv feito pela rede globo com rita lee... no mais: champagne no gelo / salgados e doces / prepare os talheres / os discos e as poses / (...)a festa nunca vai acabar...  (quer dizer, esse é, na verdade, o meu desejo).

agradecimentos (& um brinde ao que virá):

não há nenhum pesar em mim em relação a estes últimos suspiros de 2010. sai pra lá, ano estranho! estranho, mas não ruim, não de todo. aprendemos com as tristezas, embora seja sempre preferível não ter que ser assim...
mas não posso esculhambar este 2010 de todo, claro. foi um ano de muito trabalho e conquistas, quase todas compartilhadas nestas minúsculas. a questão é que, infelizmente - mesmo tendo lançado dois ep's (rosebud e rosebud para lugar nenhum - de remixes), um álbum (sim, o disco da ssc que saiu esse ano era também meu, certo?!?) e um vídeo clipe (isso sem citar os trabalhos para outros artistas: o clipe da hesh (direção), o ep de billy rezk (produção) e o show de gabriel reis (direção)) - fiz pouquíssimos shows nos últimos doze meses... e isso me deixa louco! mesmo (ando com sede palco). por isso pretendo, a despeito de minha atuação política (tanto aqui em sc, quanto fora do estado...), me dedicar a montar uma nova banda neste 2011.
mas quero aproveitar o momento par…

natal rock'n'roll:

ok ok ok estou mais light e não vou falar mal do natal este ano nem me preocupar com nenhuma maldita pontuação ora foda-se
hoje tem festenha rock'n'roll no blues velvet e vai ser divertido e a gente tem mais é que se divertir 

bora lá encher a cara
(ontem meu sobrinho de 5 anos me perguntou depois de ganhar uma pequenina imagem do menino jesus - mas o que ele faz?) jesus luz é gato pc siqueira não é gato mas é foda... aliás talvez mais foda por não ser gato

verão, enfim:

se hoje já é verão, nos entreguemos ao sol e ao mar, à música e ao sexo (ok, ok, hoje o tempo não está como deveria, mas...). um viva às noites da estação: com cerveja gelada e papos sem fim... e nesse janeiro que se aproxima, nos entreguemos aos dias longos e preguiçosos - e aos prazeres de todos os tipos! eu, por minha vez, quero curtir o fim-de-tarde de porto belo (a foto ao lado é de lá...) e andar pelas ruas cheias das noites da lagoa da conceição...
separei 5 canções que - para mim - são a cara do período que se inicia... (aumente o som:)










amanhã começa o verão:

se amanhã começa o verão, que tal se despedir a gente se despedir da primavera?!? trouxe aqui um texto feito para a resvista de divulgação da temporada que o tijuquerafez na célula em outubro e novembro últimos - projeto sexta sim. minha idéia foi, de algum modo, fazer uma espécie de boas vindas a estação - mas mais ainda, quis homenagear algumas das pessoas que fazem floripa melhor... tenho orgulho deste escrito - e de ter participado da temporada, claro. meu orgulho se dá, em grande parte, por causa do momento de que vinha e da maneira como me coloquei diante do que poderia vir (e veio). explico, meu inverno não foi apenas frio, foi tristíssimo...
_____________________________
Sexta sim, Sexta sim, e nada de “não” nessa primavera!
Quando Marcio Costa me pediu um texto, quis não ser linear e escrever sobre como é possível se divertir em Florianópolis na primavera – sexta sim, sexta sim. Eu quis não discutir questões teóricas (e/ou práticas) sobre a geração de músicos, artistas, composit…

marina lima:

marina lima é dona de uma discografia de altos e baixos. há coisas (bem) ruins, como o acústico da mtv, e outras medianas, próxima parada, registros a meia voz... mas há alguns trabalhos belíssimos; marina lima (1991), o chamado (1993) e pierrot do brasil (1998) são desses - entre os dois primeiros e o último há abrigo (1995) e o já citado registros (1996) que se não são aquilo tudo, ainda assim tem ótimos momentos... foi desta fase pós-synth-pop-platinado que trouxe algumas canções/vídeos da cantora/compositora para cá (aliás, alguns registros estão muito mal representados no youtube... mas acho que já vale como dica de o que ouvir de marina).







sobre os últimos dias e hoje e amanhã e depois:

se fosse mais organizado e estivesse menos cansado, provavelmente já teria publicado aqui, em minúsculas, um relato-descrição-posicionamento sobre várias questões e desdobramentos da feira música brasil... agora foi, acabou né?!? não?!? de todo modo preparo para logo um texto mais formal sobre o evento, e devo encaminhá-lo para alguns jornalistas, blogueiros e veículos de comunicação daqui, de santa catarina... se interessar, interessou - o(s) link(s) devem surgir em breve no twitter...
por hora, aqui, nas minúsculas, digo que me emocionei com o show delucas santtana. se sou fã da música de lucas e não é de hoje, sua apresentação sábado, no espaço lapa multishow (bh), esteve a altura da minha expectativa (conciliou o quente e o frio, a potência e a delicadeza, o brasil e o mundo - foi algo como um neo-tropicalismo-pós-decadência-bonita-do-samba). mas aproveito e digo que curti demais as experiências sonoras de babilak bah e a apresentão de rita ribeiro... no domingo, virado, viajei de …

otto (com lirinha + bebel gilberto + elza soares):

ontem tive uma noite e tanto: foram muitas as idas e vindas e casas e shows e sets, mas quero falar apenas de um momento. deixo para amanhã, quando já estiver em minha casa, uma reflexão mais "aprofundada" das minhas impressões desta feira música brasil. por agora, quero falar da emoção do show de otto, com as participações de lirinha (ex-cordel do fogo encantado) e bebel gilberto, mais uma aparição inesperada e iluminada da grande elza soares.
otto ao vivo é uma loteria, quem sabe, sabe... afinal: ou o show é muito bom ou não e tudo depende da quantidade de aditivos consumidos pelo músico. ontem, ele estava muito bem, cantou quase sempre afinado, foi menos falante que o habitual e encantou a platéia com suas danças desageitadas, suas falas sem nexo, seu canto emocionado (em 6 minutos, por exemplo - como não poderia deixar de ser). a poderosa participação de lirinha, talvez pela potência de sua presença cênica, serviu de combustível para o anfitrião e sua música. sua banda, c…

de belo horizonte:

há muito o que se fazer em belo horizonte durante a feira música brasil. muita coisa bacana para se descobrir e se desfrutar: música boa, de todo o país. mas isso sem negar que a cena de minas, nos últimos dois ou três anos, tem sido uma das mais prolíficas e interessantes do território nacional. neste sentido, a escolha da funarte e da rede música brasil, de trazer para cá a edição 2010 da fmb foi, no mínimo, acertada. isso não significa que não tenham sido cometidos erros neste percusso, claro: os erros foram muitos. mas eles não superam os acertos. ainda assim, apontá-los é o modo mais inteligente de poder corrigir futuros equívocos...

um dos motivos de minha presença aqui é a da falta de representatividade do sul do país no painel de artistas da feira. assunto espinhoso: embora se festeje a diversidade fora do eixo, temos entre os oitenta artistas selecionados pela curadoria da feira (note que estou citando também os suplentes, ou seja, os que provavelmente não se apresentariam em

feira música brasil:

estou aqui, em belo horizonte, participando da feira música brasil. faço parte do colegiado de música (da rede ligada ao ministério da cultura) e do mpb (música para baixar) e graças a essa minha atividade politica-cultural fui trazido para o centro nervoso de várias discussões que envolvem circuito fora do eixo, políticas públicas de cultura (e dinheiro, claro), mpb, rede música brasil, minc e outras questões, organismos e pessoas. estou sem grana, o tempo é curto, mas, estou feliz. é minha primeira vez em minas e quero aproveitar (os shows são muitos, assim como os encontros, debates oficinas e coisas para se fazer - quem ama música, iria curtir estar onde eu estou).
ao longo desta semana quero voltar aqui para disponibilizar uns posts mais "decentes" e informativos que este, por hora, preciso ir, para um reunião importante... e para ver o show de gilberto gil e macaco bong (juntos?!?! ôba!!!).
________________

alô santa catarina, é nóix, tamo junto!!!

filipe catto, arthur nogueira:

dos discos que tenho ouvido/baixado nos últimos tempos, dois quase que se entrelaçam e se completam no player do meu computador. a coincidência não é mera coincidência. primeiro porque quem me os apresentou foi o site a musicoteca, que acompanho desde antes da época em que meu rosebud ep foi disponibilizado por lá. segundo porque, a despeito das diferenças estéticas entre os dois artistas, há, evidentemente, algo que os une para além da versão que arthur nogueira fez para ascendente em cancêr de filipe catto.
arthur nogueira me foi apresentado recentemente, através de mais, uma das melhores canções que andei ouvindo por aí-por aqui. a partir dela ouvi e baixei seu mundano, de 2009 e, na sequência, descobri seu novíssimo (ep) mundano +. foi paixão a primeira ouvida. há uma delicadeza amarga ali, mas algo diluído, sutilmente diluído, aliás. algo que, por não saciar de imediato, só nos dá mais vontade de repetir e repetir a dose. mas por causa de uma das canções deste seu novo trabalho, r…

2010, adeus:

não foi um bom ano para mim. não de todo, claro (mas também sei que "na vida a coisa mais feia / é gente que vive chorando de barriga cheia"). bom, mas se as coisas que se deram neste 2010 passaram longe do planejado por mim, isso (mesmo que seja possível enumerar muitas alegrias ao longo do percurso), me fez mais melancólico no período. talvez tenha a ver mais com o ano zodiacal que com a coincidência dos últimos doze meses. talvez não. mas se tudo é símbolo e se precisamos de símbolos, confesso: estou feliz de chegarmos a dezembro. e se falta pouco pro verão, o que para alguns é um alento, eu que detesto natal, sinto que ao contrário do que houve em anos anteriores o clima, está chegando a época de curtir a vida adoidado tem se sobreposto ao amai uns aos outros e comprai tudo que puder porque é natal...
como tenho andado ocupado nos últimos e nos próximos dias, não poderei agora fazer deste o post que gostaria. mas ainda farei.
a foto acima é de joel lisbona.